TEUS OLHOS

Célia Lamounier de Araújo

 

Sinto teus olhos a me olhar

Vi que me desejas e vim

Pois sei que esta amizade

Esta fremente ansiedade

De ter-te junto a mim

São o começo maravilhoso

Este começo misterioso

Do amor e do fim

Que há de nos magoar.

Mas, é preciso que saibas:

Para que eu seja feliz

Basta-me saber

Que estás perto de mim.

 

E é apenas isto que espero

Nada te posso oferecer

Nada me peças além dos meus olhos

Quero teus olhos só para ver.

 

Nada me peças...

Deixa o tempo passar

Quero ser muito feliz

Deixa o fim sem fim

E deixa... os teus olhos... só para mim.

 

  

* * *