Feminismo
(Araci Barreto da Costa)

Quero o direito de pensar
a ousadia de dizer
a vantagem de fazer.


Quero a fortuna de sorrir
a felicidade de chorar
a regalia de sentir.


Quero governar minha vida
dirigir-me sem medo
tender para o bem.


Quero vigiar meus pensamentos
assumir o sofrimento
caminhar para a frente.


Quero dar a direção
quero tomar posição
quero estar na despedida
quero enfrentar um tufão.


Quero o prazer de consolar
a certeza de ser útil
a alegria de servir.


Quero a humildade de sonhar.
Quero a felicidade,
a beleza,
a lealdade.


Quero, acima de tudo,
o sentimento maior:

O amor à liberdade.